PLATAFORMAS


EDITORIAS


SEÇÕES


PROJETOS


INSTITUCIONAL

Com pá e faca, sueco aterroriza pousada em Curitiba

Cotidiano

07 de maio de 2021 10:00

Banda B


Relacionadas

Heineken lança cerveja Tiger no Brasil ara os jovens millennials

Paraná confirma mais 11.839 casos de Covid-19

Brasil atinge marca de 500 mil mortos por Covid-19

Manifestantes fazem novo ato contra governo federal neste sábado
Senai oferece cursos gratuitos de capacitação profissional
Cientistas descrevem como coronavírus danifica o cérebro
Operação da PM reforça segurança e apreende drogas
Foto: Divulgação
PUBLICIDADE

Homem de 77 anos foi baleado depois acertar a perna de um policial com a pá, que caiu da escada da pousada. O idoso também foi para cima de outros policiais e moradores com a faca

Um sueco de 77 anos, em posse de um pá e uma faca, aterrorizou moradores de uma pousada na Rua do Rosário, no Largo da Ordem, no Centro Histórico de Curitiba, na noite de quinta-feira (6). Ele foi baleado depois acertar a perna de um policial com a pá, que caiu da escada da pousada. Também foi para cima de outros policiais e moradores com a faca. A polícia acredita que o idoso tenha sofrido um surto psicótico.

A ocorrência

Por volta as 23h30, moradores da pousada chamaram a polícia porque o morador teria surtado. Ao chegar no local a equipe da polícia visualizou o idoso portando uma pá e uma faca.

“Após ele visualizar a equipe da polícia, ele veio em nossa direção, inclusive atingido um dos policiais na perna, o que acabou ocasionando em uma queda de escada quando eles estavam subindo para o segundo andar da pousada. Vista essa agressão à integridade física dos militares, eles vieram a efetuar disparos com arma de fogo”, contou o tenente Soster, 12º Batalhão da Polícia Militar.

Segundo o PM, idoso não parou e acabou sacando uma faca. “Visto a eminente agressão que poderiam sofrer acabaram efetuando mais disparos de armas de fogo e homem foi alvejado nos membros inferiores e superiores levando o mesmo ao chão”, explicou. O sueco foi socorrido com vida, e, aparentemente, em situação estável.

“Ele estava bastante transtornado. A todo momento falava em outro idioma. Os moradores relataram que ele vem tendo esse comportamento há um tempo. Pelo estado dele e pelo relato dos moradores trata-se de um surto mesmo”, acredita o policial.

O idoso foi encaminhado ao hospital e a polícia segue investigando o caso. As informações são da Banda B.

PUBLICIDADE

Recomendados