PLATAFORMAS


EDITORIAS


SEÇÕES


PROJETOS


INSTITUCIONAL

Bolsonaro afirma não saber se seu governo tem corrupção

Cotidiano

06 de dezembro de 2021 16:21

Da Redação


Relacionadas

Governo vai investir R$ 1,1 bi em obras rodoviárias no Paraná

Holambra arrecada 7 toneladas de feijão para hospitais

Tenente é suspeita de matar soldado durante treinamento

Empresário morre após esposa militar atirar contra ele
IAT resgata 60 aves nativas no sudoeste do Paraná
Polícia encontra corpo de mulher que estava desaparecida
Mega-Sena sorteia prêmio acumulado em R$ 31 milhões
Fala contradiz o próprio presidente que, em outras oportunidades, havia declarado que "acabou com a corrupção" no governo federal Foto: Divulgação
PUBLICIDADE

Fala contradiz o próprio presidente que, em outras oportunidades, havia declarado que "acabou com a corrupção" no governo federal


O  presidente Jair Bolsonaro (PL) conversou com apoiadores no Palácio do Alvorada, nesta segunda-feira (06), e não garantiu que seu governo é livre de corrupção. "A gente não sabe o que acontece, muitas vezes", ressaltou.

"Não vou dizer que no meu governo não tem corrupção, porque a gente não sabe o que acontece, muitas vezes. Mas, se tiver qualquer problema no meu governo, a gente vai investigar isso", afirmou.

O mandatário alegou que não consegue dar conta dos milhares de servidores comissionados ou com ministérios, mas acredita - na sua opinião - que a maioria "são pessoas honestas".

O capitão do Exército também falou sobre a indicação de André Mendonça para o Supremo Tribunal Federal e lembrou que o próximo presidente terá a possibilidade de indicar mais dois ministros na corte.

"Não sou evangélico, sou católico. O evangélico está no Supremo agora [em relação a André Mendonça]”, disse. “Se eu for candidato e reeleito, a gente bota dois no início de 23 [2023] lá. É que a ‘capetada’ tá se reunindo. Eu sou capitão, mas a ‘capetada’ tá se reunindo", completou o presidente.


Com informações do Último Segundo

PUBLICIDADE

Recomendados