Cai número de casos suspeitos de Covid-19 em PG

Ponta Grossa

29 de março de 2020 18:36

Afonso Verner


Relacionadas

Vinicius lamenta decisão da Câmara sobre organizações sociais

Stocco propõe nova ação para acolher moradores de rua

Igrejas de PG se preparam para retorno de missas com fiéis

Sanepar realiza obras em Oficinas nesta terça-feira
ACIPG auxiliará empresas a venderem para o governo
Novo caso da covid é confirmado em PG; total é de 61
Acidente com trator fere idosa; veja imagens
Cidade segue optando pelo isolamento social e ruas continuam vazias Foto: Cristiano Barbosa
PUBLICIDADE

Informação foi confirmada pelo novo boletim da SESA divulgado neste domingo (29)

O novo boletim da Secretaria de Estado de Saúde (SESA) mostra que o número de casos suspeitos de Covid-19 em Ponta Grossa voltou a cair. Divulgado neste domingo (29), o documento registra que PG tem 11 casos suspeitos, 76 descartados e 3 confirmados (clique aqui para conferir). No sábado (28), a cidade tinha 21 casos suspeitos e 56 descartados.

Com o novo boletim, cai o número de casos suspeitos e sobe o índice de casos descartados no município. Já o número de confirmados segue o mesmo: três. Por sua vez, em todo o Paraná o número de casos confirmados de Covid-19 é de 152, enquanto os casos suspeitos somam 2580.

Medidas de contenção

Em Ponta Grossa as medidas de contenção e combate à Covid-19 continuam. O município continua optando pelo isolamento social, suspensão das aulas e atividades de educação presenciais, fechamento parcial do comércio, entre outras medidas.

Além disso, a cidade já iniciou o processo de limpeza (com produtos químicos específicos) de áreas públicas de alto movimento.

Plano para retomada das atividades

Nesta semana, o prefeito Marcelo Rangel (PSDB) anunciou que pretende reabrir o comércio, de forma gradual, a partir do próximo dia 6 de abril - a medida depende diretamente da evolução dos números sobre o Covid-19. 

Um buzinaço chegou a pedir a reabertura "imediata" do comércio, mas Rangel afirmou que os manifestantes "perderiam a gasolina" e chegou a registrar um boletim de ocorrência (BO) contra os organizadores pela disseminação de notícias falsas. 

Meio termo

Por sua vez, o vereador Ricardo Zampieri (PSL) propôs um meio termo: o parlamentar sugeriu que a reabertura do comércio aconteça a partir do próximo dia 2.

PUBLICIDADE

Recomendados